10 Dicas para Não Ser Enganado na Black Friday 2014

Bom dia pessoal! Essa semana, como havia comentado no post "Black Friday para Noivados e Casamentos", o Casei me Amarrei está acompanhando algumas lojas responsáveis pelos descontos na internet.

Me cadastrei em vários sites. O primeiro deles foi o da Black Friday Brasil para ter acesso direto às principais ofertas das lojas. Nas redes sociais, curti a fan page deles e ainda fiquei sabendo que foram criados perfis falsos no instagram e facebook, oferecendo ofertas de mentirinha. Segui alguns deles sem querer, mas desconfiei do esquema. Esses perfis conquistaram muitos seguidores, pois usavam o nome de empresas famosas e as associavam à data. Deixei de seguir os perfis e comecei a pesquisar os sites das empresas junto com meu marido.

Novembro é um ótimo mês para comprar o presentes para casamento ou para o Natal, pois com a Black Friday, muitos tem a oportunidade de conquistar ótimos descontos. Mas, será que é fácil comprar assim? Fiz algumas dicas que podem auxiliar nas compras:

1) Faça uma Lista de Produtos e Fotografe

Antes de comprar os produtos, pesquise durante a semana da Black Friday aqueles do seu interesse, e tire vários 'prints screens' da tela para ter um registro dos valores antigos e se certificar de que não será enganado.

2) Credibilidade da Empresa na Serasa Experian

Utilize o serviço da Serasa Experian, 'VocêConsulta Empresas' que só será gratuito no dia 28 e 30 de novembro de 2014 para verificar a situação do CNPJ das empresas que farão promoções. Veja informações sobre razão social, cheques sem fundo, ocorrência de protestos, ações judiciais, falências, endereços e existência legal da empresa. 

3) Perfis Falsos nas Redes Sociais

Cuidado com perfis falsos nas redes sociais. Veja se é realmente a página oficial da empresa que está fazendo promoções.

4) Selo Black Friday Legal

Confira se a empresa possui o selo Black Friday Legal que foi criado em 2013 pela Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico. De acordo com a Folha de São Paulo, mais de 700 lojas aderiram ao selo (Veja as lista de lojas participantes) que corresponde a um código de ética no qual as empresas garantem que farão ofertas verdadeiras, sem fazer maquiagem nos valores. Confira um exemplo de maquiagem de preços:

"Em 2013, muitos consumidores foram enganados com promoções maquiadas e fizeram reclamações no Procon e Reclame Aqui. Ou seja, se uma televisão antes do Black Friday custava R$ 1,500,00, no dia fizeram promoções que afirmavam que a TV era R$ 2.000,00 e agora estariam com um desconto e custavam 1.600,00!"

5) Lista Negra do Procon


Veja a lista das 450 empresas que devem ser evitadas, mesmo durante a Black Friday, de acordo com o órgão de defesa do consumidor.

6) Golpes por E-mail na Black Friday


Segundo a McAfee, uma empresa de segurança especializada em crimes cibernéticos, os criminosos procuram fazer phishing. Tentam obter informações sigilosas por meio de e-mail ou mensagens instantâneas, usando perfis que parecem ser verdadeiros. O golpista envia mensagens por e-mail com anexos infectados e links que direcionam o consumidor a sites inseguros ou a instalar vírus no computador ou dispositivo móvel.

7) Desconfie das Ofertas Muito Boas


Se o valor do produto está inferior ao do mercado, é bom desconfiar! E-mails de ofertas com erros gramaticais e imagens de má qualidade podem representar um indício de fralde. Evite clicar imediatamente nos links que aparecem no corpo do seu e-mail. Vá diretamente para o site oficial do produto ou verifique se a url do link é confiável, comparando com o site da empresa oficial.

8) Encontre uma Oferta e Compre Rápido


Seja rápido na compra dos seus produtos, pois assim como ocorre nas lojas físicas, que ficam lotadas, nas virtuais, acontece o mesmo. Portanto:


9) Fique Atento aos Sites que Estão Preparados



10) Lojas Físicas na Black Friday

Algumas lojas físicas já estão fazendo descontos antecipados para o grande dia! Você que foi convidado para algum casamento, poderá comprar o presente da lista de casamento visitando lojas nos Shoppings de Brasília - DF ou mesmo andando pelo comércio das regiões centrais das cidades que estão em ritmo de festa.

O que achou do post? Faça um comentário aqui já! 

Marcadores: , , ,