2º Dia - Aventuras na Cachoeira e Um Casamento Inédito na Igreja Matriz - Casei e Fui para Pirenópolis


Oi genteeee!! Hoje contarei sobre o nosso 2º dia em Pirenópolis e um pouquinho do nosso último dia...Posso dizer que fiquei sem palavras!! Por isso que demorei para publicar o texto e organizar as imagens. Mas, valeu muito a pena. Ao acordamos, curtimos um belo café da manhã na pousada...pegamos frutas também, mas não saiu na foto...he!he! Logo depois saímos para andar mais pela cidade.



Quando realizei minhas pesquisas para encontrar um hotel ou pousada, vi que o SESC disponibilizava uma. Resolvemos sair para procurá-lo e ver se existia a possibilidade de desfrutar do clube. Ele está localizado na Rua dos Pireneus e a entrada dele é uma gracinha:

Fonte: Sesc GO
Infelizmente, somente os hóspedes da Pousada do Sesc de Pirenópolis possuiam acesso às áreas de lazer. É necessário realizar a reserva com antecedência pelo site. Retornamos para a Praça do Coreto, muito movimentada, por causa da feirinha de artesanato que acontece aos finais de semana e feriados, em busca de novas aventuras. Encontramos também a Pousada dos Pireneus, vimos ótimas recomendações na internet sobre o lugar e só poderíamos realizar as atividades se pagássemos um day-use (R$60,00).

Bom, estava achando todos os passeios caros, por exemplo, se eu quisesse praticar algum esporte radical como rapel ou arvorismo, teria que pagar R$ 40,00 por cada atividade, mas se fosse para a cachoeira, a mais barata que achamos foi R$60,00 por pessoa com transporte. Alugar bicicleta para curtir o dia, simplesmente, R$ 60,00...ficamos desanimados, porque se gastássemos esses valores, o nome desse post seria dois dias sem comida em Pirenópolis....kkkk

Eu falei para o amor: "Por que não vamos a pé para as cachoeiras?". Conversamos com o dono de um restaurante e ele nos disse: "Bom, vocês tem que colocar um boné, levar uma garrafinha de água, calçar um tênis e acredito quer demorariam cerca de 2 horas ou mais para chegar na Cachoeira Bonsucesso (4,5km), dependendo da caminhada". Ai sim, não ia dar mesmo para visitar nenhuma cachoeira...quase na hora do almoço às 11h30min, um sol escaldante e muito calor. Nós decidimos almoçar num restaurante de R$ 11,00 por pessoa, acima da Igreja Matriz. Cardápio do dia...comida de pedreiro..he! he! Os pratos da esquerda são do almoço de domingo, no Restaurante Central arroz com pequi, bacon assado, macarrão ao alho e óleo, molho de milho....o prato do Lucas abaixo do meu foi mais generoso...pura economia!


Ao retornar para a pousada, os donos perguntaram se não queríamos que eles nos levassem para a cachoeira e a gente aceitou!! Ah! Ah! Com um custo bem menor. Então se você tiver em Pirenópolis sem carro (recomendo que vá com um), encontre alguém que te leve para as cachoeiras por um preço acessível!

Uma Aventura na Cachoeira da Usina Velha

Com acesso pela estrada Parque dos Pireneus, visitamos a Cachoeira da Usina Velha (10 min. de carro, mas a pé também é uma caminhadinha). É uma das mais próximas da cidade. Passamos pelas pedreiras, local onde são extraídas pedras para construção e finalmente chegamos! Custo de R$20,00 a entrada, por ser uma propriedade particular. Lá tem restaurantes, área para camping e uma piscina de águas naturais perfeita. Ao subir pela trilha, em meio a mata, estava aquela maravilha: uma série de três quedas d´água, cercada por pedras grandes e vegetação....a água era de bater o queixo. Levamos uma bolsa térmica com gelo, água, refri e suco; Biscoito de sal, doce e salgadinho (R$ 16,00). Passamos um bom dia.

Casamento na Igreja Matriz - Pirenópolis (GO)


À noite, fomos assistir uma peça teatral chamada o Arco da Véia e antes disso, paramos para comer um delicioso empadão goiano, muito popular na cidade e em cada lanchonete tem um. Mas, uma das coisas que me atraiu foi um casamento que estava acontecendo naquele exato momento, na Igreja Matriz...vários curiosos do lado de fora e um casal simpático e muito feliz.

Eu tinha que perguntar para eles o que estavam sentindo naquele momento. Com um empurrãozinho do marido, conversei um pouco com os noivos e pensei, nossa...bem no dia que eu vim, está acontecendo um casamento maravilhoso. A igreja toda decorada, com detalhes lindos, o vestido da noiva, branco como a neve e, ambos, marido e mulher, com um olhar radiante, o mesmo que eu senti quando me casei. Confira um breve vídeo sobre o que eles sentiram naquele momento:


O casal tirou fotos na frente da igreja e ainda me convidaram para a recepção (muito fofos.....pena que não achei o lugar). Primeira vez na cidade, sem carro, entramos numa rua estranha e achamos melhor voltar para a pousada. E, tenho que falar da peça de teatro. Ela foi engraçada...até guardei uma piada para contar aqui:

Homem é igual a menstruação. Quando atrasa preocupa e quando chega, dá trabalho.

Último Dia em Piri!


No último dia, aproveitamos para ir ao Museu das Cavalhadas, almoçar no Restaurante Central, comer picolé, molhar os pés no Rio das Almas, andar pela Ponte do Carmo, fotografar outros pontos turísticos, conhecer a Ponte Pênsil (ótimo atalho para a Estação Rodoviária) e por fim, comer um bolo de leite ninho no pote, oferecido pela Pousada Recanto das Lajes. Obrigada! Amei Pirenópolis!

Picolé de Murici.

Igreja Matriz
Museu das Cavalhadas - Conta um pouco da história dessa festa típica de Pirenópolis.
Teatro de Pirenópolis, próximo à Igreja Matriz

Loja de Artes e Joias. Muito Linda!

A pizza quadrada de Pirenópolis. Não comemos, mas falaram que é boa. Será?

Uma pousada perto da Rua do Lazer....

Museu da Arte Sacra

Molhando os pés nas águas do rio para ir  para casa!



Ponte do Carmo e ao fundo Museu do Divino.

Ponte Pênsil Dona Benta. Encontramos ela no último dia.

O que gastamos em 2 dias?

Cachoeira R$ 80,00
Teatro R$ 20,00
Museu das Cavalhadas R$ 4,00
Almoço de Sábado R$ 22,00
Almoço de Domingo R$ 20,00
Geladinho R$ 1,00
Bolo no Pote R$ 5,00
Empadão Goiano R$ 10,00
Lanches R$ 16,00
Picolé R$ 3,00

Total: R$ 181,00

Se você já foi para a cidade, que tal contar um pouquinho da sua experiência aqui nos comentários?? Deixe sua sugestão de roteiro para quem vai conhecer Piri!

Marcadores: , , ,